3 abr 2014 09h54Atualizado em 3 abr 2014 09h54

Farmacêutico explica sobre sua prisão

BARRADOS
Paulo César Martins da Silva é proprietário de farmácia desde 1.987. No dia 25 do mês passado, ele foi preso pela Polícia Federal e levado para Jataí.

Em entrevista concedida ao barrados.net. Ele explicou que tudo começou com uma vistoria de rotina feita pela Vigilância Sanitária. O comerciante explica que a única irregularidade praticada pela farmácia foi a questão de medicamentos acondicionados de forma irregular. Os remédios que deveriam estar dispostos nas prateleiras estavam sobre o balcão.

Em relação a outras irregularidades, Paulinho explicou que estas foram praticadas por um funcionário que admitiu a culpa e responderá por elas na justiça.

A Farmácia, de acordo com o comerciante, ficou lacrada por 3 dias, por conta da exigência da instalação de aparelhos de ar-condicionado. Embora acredite que outros estabelecimentos do ramo farmacêutico também necessitem de climatização, disse que cumprirá a determinação.
fullscreen

© 2015 - Barrados.net - Todos Direitos Reservados. by #mndti