12 mar 2014 15h23Atualizado em 12 mar 2014 15h23

Mulheres de Quirinópolis foram homenageadas com conferência e painel

BARRADOS

O Palácio da Cultura ?Sodino Vieira de Carvalho? ficou literalmente tomado, ontem à noite (11/03), por ocasião da conferência ?Mulher, Protagonista da Cultura da Paz?que contou com a presença do prefeito Odair de Resende.

Todas as pessoas que compareceram ao Palácio da Cultura receberam um lacinho de fita branco, como homenagem a Sandra Regina Medeiros, que trabalhava no Complexo Social Jovem do Futuro e foi, brutalmente, assassinada na véspera do Dia Internacional da Mulher; a Secretaria Municipal da Educação homenageou a profissional Milane Batista Vilarinho Moura, falecida recentemente, mostrando a imagem dela na tela do Teatro.

O Coro Cênico do Projeto Social Jovem do Futuro brindou as mulheres presentes com canto, dança e encenações e coube a Assistente Social, Adriana Freitas Oliveira contar a história oficial do Dia Internacional da Mulher.

A conferência foi ministrada pela Coordenadora de Cultura de Paz da Rede Permanente pela Paz, Profª Ms. Maria Sônia França, que colocou a mulher no topo da promoção da cultura da paz e afirmou que Quirinópolis ?está à frente dos demais municípios brasileiros, no desenvolvimento da cultura da paz?, como bem mostrava o público presente no Palácio da Cultura.

Posteriormente, foi apresentado o Painel Mulheres da Paz, que teve como mediadora a Assistente Social do CRAS, Adriana Freitas Oliveira. Para tal foram convidadas mulheres que são referências em Quirinópolis, atuando efetivamente na vida social, protagonizando a cultura da paz na cidade.

Inicialmente, a Secretária de Promoção e Assistência Social, Fátima Menezes Resende discorreu sobre a exitosa experiência dela na Promoção Social no município e congratulou-se com as mulheres presentes no Teatro;

A juíza titular da 1ª Vara da Infância e da Juventude e diretora do fórum da Comarca, Dra. Adriana Maria dos Santos, também, falou sobre a experiência profissional dela, lembrando que foi a primeira mulher a exercer o cargo de juíza em Quirinópolis e a primeira juíza a presidir uma sessão do Tribunal do Júri na cidade, lembrou os inúmeros casos de promoção da paz realizados por ela no dia a dia, solucionando conflitos, agradeceu a parceria com o Poder Executivo Municipal e teceu elogios ao Projeto Social Jovem do Futuro;

A secretária da Educação, professora Veroneida Rodrigues de Assis, igualmente, falou sobre a experiência dela como educadora e convocou a psicólogaEllis Buranelo para explicar a implantação da disciplina Cidadania e Qualidade de Vida (CQV) na rede municipal de ensino que, também, é um instrumento de promoção da cultura da paz;

A diretora da UEG ? Quirinópolis, professora Nilda Pascoal e a diretora da FAQUI, professora Anésia Ferreira dos Santos contaram suas experiências como professoras e como diretoras das duas faculdades de Quirinópolis e como promovem a cultura da paz em suas escolas;

E a delegada de Polícia, Dra. Simone Casemiro afirmou que na Delegacia de Quirinópolis comanda oito homens e lembrou o trabalho dela para resolver os conflitos envolvendo homens e mulheres em Quirinópolis.

Coube ao secretário extraordinário, Oscar de Lima Pires Júnior homenagear as mulheres envolvidas no painel.



Um coquetel no hall do Palácio da Cultura marcou o encerramento das homenagens às mulheres quirinopolitanas.


fullscreen

© 2015 - Barrados.net - Todos Direitos Reservados. by #mndti