11 set 10h53

Ladrões invadiram fazenda, no município de Gouvelândia e balearam idoso.

BARRADOS
Ocorrência foi registrada pela Polícia Militar (PM), às 19h40 de ontem (10).


         Três equipes policiais foram até a propriedade rural. No caminho, os militares foram informados de que a vítima Valdo José Fernandes, de 71 anos, havia sido baleada na cabeça e que estava sendo conduzido por terceiros para o Hospital Municipal de Quirinópolis.


         Francisca Luiza Fernandes, de 59 anos, contou à polícia que, por volta das 19h30, ela e o esposo Valdo foram surpreendidos por dois elementos armados, os quais anunciaram o roubo. Assim que os meliantes perceberam que Valdo sacou a arma que possuía em casa, desferindo um tiro na direção dos ladrões, possivelmente atingindo um deles, os bandidos revidaram, disparando um tiro contra a cabeça do idoso. Em seguida, um dos assaltantes pediu as chaves da casa e da caminhonete do casal, retirou as alianças das duas vítimas, pegou a bolsa de dona Francisca e a carteira de sêo Valdo. Sob ameaças de morte, dona Francisca foi trancada em um banheiro da casa. Assim que ouviu barulho do veículo saindo, a mulher abriu a porta do banheiro e correu até a fazenda vizinha, a fim de pedir socorro para o esposo que estava baleado.


         Sêo Valdo foi alvejado com um tiro na cabeça, recebeu atendimento no Hospital Municipal de Quirinópolis e depois foi transferido para Santa Helena.



         Os assaltantes eram morenos e magros e estavam com os rostos encobertos com camisetas. Eles não levaram a caminhonete das vítimas. Entretanto, a arma de sêo Valdo foi roubada. A Polícia Militar (PM) fez várias diligências e repassou informações às cidades vizinhas, mas os bandidos não foram encontrados. Por acreditar que um dos meliantes possa ter sido baleado, os hospitais da região também foram informados da situação. No local do crime, a polícia encontrou e apreendeu um comprovante de recarga de telefone, o qual consta um número.         

© 2015 - Barrados.net - Todos Direitos Reservados. by #mndti